parei de emagrecer, e agora o que fazer

Parei de emagrecer, o que fazer agora?

É muito comum ouvirmos: Parei de emagrecer, e agora o que fazer? Isso é muito comum, não se preocupe. Em primeiro lugar vou te apresentar os principais erros que te fazem você parar de perder gordura corporal. Veja se você comete algum destes erros:

1 – Não ingerir proteína o suficiente.

Parou de emagrecer, e agora?

Bom, vamos lá, antes de mais nada coma pelo menos 20 g de proteína por refeição. Isso ainda  é mais importante no café da manhã do mesmo modo consumindo pelo menos 40% das calorias no seu café da manhã na forma de proteínas vai diminuir a necessidade exagerada de carboidrato bem como levar a uma queda no nível de gordura. Veja algumas opções:

  • dois ou três ovos inteiros no café da manhã . 
  • bacon de peru, bacon orgânico, salsichas orgânicas ou queijo cottage. 
  • tomar um shake de 30g de proteína com gelo e água. 

2 – Evitar comer na primeira hora depois de acordar

Dê preferência aos primeiros 30 minutos. Em outras palavras, pule o café da manhã, esqueça de comer na primeira hora do dia e você fracassará.

Nos primeiros dias vai parecer que você está se obrigando a comer, mas depois tudo mudará e você vai se sentir incrível. Ingira ao menos 20 g de proteína por refeição, sempre.

3 – Coma até se sentir satisfeito e coma o máximo que puder dos alimentos aprovados.

Se não fizer isso, você diminuirá o ritmo do seu metabolismo ou sairá da dieta beliscando alimentos proibidos entre as refeições.

Não é preciso contar as calorias quando se seguem as regras ao mesmo tempo essa é justamente a principal: comer muitos legumes.

4 – Deixar de beber água o bastante.

Parei de emagrecer, e agora? Essa nunca falha..

Para garantir uma função excelente do fígado para perda de gordura, antes de tudo aumentar a hidratação é obrigatório.

Analise o seu consumo de água, insisto que acrescente alguns copos. Faça o cálculo e procure bater a meta: 35 ml/kg será o suficiente.

Se esforce já que a carga extra de carboidrato tira a água do seu trato digestivo e do glicogênio muscular. Sem consumir a água o bastante, os resultados serão enxaquecas constantes.

5 – Complicar a preparação dos alimentos.

Se você não sabe cozinhar, escolha alimentos que não estraguem fácil. Se você nunca preparou uma refeição faça o mais simples possível: use  alimentos congelados e enlatados pelo menos nas duas primeiras semanas. Mude um hábito de cada vez, então, primeiro a seleção dos alimentos e depois o preparo.

6 – Se pesar  no momento errado do ciclo menstrual.

A princípio as mulheres tendem a reter muito mais água pouco antes do ciclo menstrual. Leve isso em conta quando começar a dieta e tirar suas medidas.

Evite se pesar e tirar suas medidas nos dez dias que antecedem a menstruação. “Considere essa como sua primeira pesagem pós-menstrual”. E claro, ao mesmo tempo, o seu ciclo menstrual e assim você não vai achar que a sua dieta não está funcionando.

7 – Abusar das comidas dominó. Nozes, grão-de-bico, homus, amendoim, macadâmia.

Parei de emagrecer, e agora? Você pode estar dando bobeira nisso!

Há certos alimentos que, embora tecnicamente possam ser ingeridos durante a dieta, costumam levar ao consumo abusivo. Chamamos de comidas dominó, porque, ao comer a primeira porção, você dá início a um efeito dominó de ingestão em excesso.

8 – Exagerar no uso de adoçantes

Os chamados alimentos “saudáveis” sem açúcar estão cheios de adoçantes por exemplo os sucos concentrados de maçã e pêra, que são compostos por dois terços de frutose, são ainda mais nocivos. Dispense os adoçantes sempre que possível isso é muito importante.

9 – Fazer exercícios em excesso.

Muitas vezes acaba levando a alimentação exagerada, ao consumo de bebidas energéticas e a outras formas de auto sabotagem. Siga estas dicas e já nas primeiras semanas irá destravar, pode apostar!

Veja também:

Compartilhe este post:

Este blog utiliza cookies para garantir uma melhor experiência. Se você continuar assumiremos que você está satisfeito com ele.